sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Dor de Cabeça...


"Era uma sexta-feira. Muita gente aglomerava-se em volta de Chico Xavier. Zeca Machado tomava providências para o início da reunião. O irmão Barbosa postou-se à cabeceira da mesa, Lico, Dr. Rômulo e outros dirigentes do "Luiz Gonzaga" puseram-se a postos. Chico, de pé, abraçava um, dirigia a palavra a outro. Aproximou-se dele uma jovem senhora, reclamando de forte dor de cabeça. Chico a ouviu atentamente e convidou-a a sentar-se na assistência para participar.
A palestra transcorreu normalmente, com os colaboradores dando sua parcela de cooperação nos comentários. Depois da meia-noite, finda a reunião, a senhora que reclamara de dor de cabeça achegou-se ao médium, com a fisionomia radiante e feliz. A dor de cabeça cessara nos primeiros minutos das tarefas. Chico sorriu docemente, despedindo-se dela com carinho.
Instantes depois, explicou: - Emmanuel me disse que aquela senhora teve uma discussão muito forte com o marido, chegando quase a ser agredida fisicamente. O marido desejou dar-lhe uma bofetada e não o fez por recato natural. Contudo, agrediu-a vibracionalmente, provocando uma concentração de fluidos deletérios que lhe invadiram o aparelho auditivo, causando a dor de cabeça. Tão logo começou a reunião, Dr. Bezerra colocou a mão sobre sua cabeça e vi sair de dentro de seu ouvido um cordão fluídico escuro, negro, que produzia a dor. Eu estava psicografando mas, orientado por Emmanuel, pude acompanhar todo o fenômeno".

2 comentários:

Cantinho_da_felicidade disse...

Oi Lu, tudo bem? O que a força do desejo e do pensamento não é capaz de realizar né? É claro que tem que haver sintonia para a pessoa receber... Sou fã da filosofia espírita, rs e tenho batalhado para colocar entre trancos e barrancos os seus ensinamentos, um dia aprendo de vez, rs, afinal estou em evolução, rs, será que essa desculpa cola?, rs. Se cuida. Tenha uma excelente semana. Fique com Deus. Beijão no coração

Adriana disse...

Oi Lu!

Parabéns pelo novo blog, tenho certeza que vai ser ótimo, assim como o outro! Ah, já modifiquei o link lá no espirita na net, tá? Se vc precisar de alguma ajuda, pode pedir, ajudo no que souber! :)

Esse texto é muito bom, é importante que a gente saiba a força que têm nossos pensamentos. Adoro o Chico, Emmanuel e Dr. Bezerra. Aliás, vc já viu o filme? Eu vi e adorei (claro! rsrs).

Beijos e bom final de semana para vc!